AQUISIÇÃO DA NOÇÃO DE MORTE NA INFÂNCIA

APRESENTAÇÃO
Esta formação irá incidir sobre os processos grupais (culturais) e internos (psíquicos) que sustentam o ser humano na aquisição e elaboração da ideia de morte. Divide-se, por motivos didáticos, em dois módulos, que denominamos por 'Antropologia da Morte' e 'Psicologia da Morte'. A concetualização discutida será ilustrada com material clínico.

Objetivos 
Pretende-se sensibilizar os formandos para a identificação das questões da elaboração da noção de morte, presente no psiquismo humano das mais variadas formas, das mais concretas e conscientes às mais simbólicas e pré-conscientes ou mesmo inconscientes.

Destinatários 
Estudantes e licenciados em qualquer uma das seguintes áreas: Medicina, Psicologia, Educação, Enfermagem, Serviço Social, Terapia Ocupacional, Educação Sociocultural, entre outras.
PLANO CURRICULAR
1.ª Parte - Antropologia da Morte  
- O pensamento humano. 
- Relação com a espiritualidade. 
- O horror da decomposição. 
- Universalidade da crença na imortalidade. 
- Recalcamento da ideia de morte. 
- Magia e técnica. 
- Luto. 
- Cemitérios. 
- Religião.   

2.ª Parte - Psicologia da Morte  
- Ideia de morte. 
- Eros e Thanatos. 
- Fantasias inconscientes sobre a morte. 
- Angústia de morte na relação terapêutica (sinais diretos e indiretos). 
- Defesas mais comuns. 
- Noção de morte ao longo do desenvolvimento (vertentes intelectual, afetiva e desenvolvimento cognitivo). 
- Luto. 
- Luto patológico na criança. 
- Angústia e noção de morte. 
- Formulação do conceito de morte. 
- A criança com doença crónica.
FORMADOR
Paulo Azevedo - Psicólogo clínico desde 1998 e mestre em Psicologia Clínica do Desenvolvimento desde 2004 (U. Coimbra, pré-Bolonha). Exerce atividade docente na Faculdade de Filosofia da Universidade Católica Portuguesa, Curso de Psicologia, desde 2008 (unidade curricular de Modelos de Intervenção Psicodinâmicos). Sócio e membro da direção do Instituto de Psicanálise do Porto (órgão da Sociedade Portuguesa de Psicanálise). Membro Especialista da Sociedade Portuguesa de Psicologia Clínica, com funções de formador e supervisor na área da psicoterapia. Exerce atividade privada como psicoterapeuta, psicanalista e supervisor clínico. Participou em reuniões científicas e publicou artigos nas áreas da psicanálise aplicada à literatura, psicopatologia, adolescência e teoria das relações objetais.
CRONOGRAMA
Duração 
3 horas 

3 de maio de 2014: 10h00-13h00 

Local de realização: 
IPNP - Instituto de Psicologia e Neuropsicologia do Porto 
Rua Alexandre Herculano, 371, 2.º Esq.
4000-055 Porto
INSCRIÇÕES
A inscrição deverá ser feita online, sendo obrigatória a anexação da seguinte documentação digitalizada: 
- Certificado de Habilitações. 
- Cartão de Estudante (quando aplicável).
- Comprovativo de pagamento da inscrição. 

Investimento 
Até 12 de abril de 2014: €25
Até 19 de abril de 2014: €30 
Até 26 de abril de 2014: €35 

Data limite para inscrições: 26 de abril de 2014 

Condições especiais (não acumuláveis) 
- Estudantes: desconto de 5%.
- Grupos de 2 ou 3 elementos: desconto de 5%.  
- Grupos a partir de 4 elementos: desconto de 10%. 
- Ex-formandos: desconto de 10%. 

Condições de pagamento (possibilidade de pagamento em duas prestações)
- Primeira prestação no ato de inscrição (50% do valor correspondente à data do ato de inscrição).
- Segunda prestação até 26 de abril de 2014 (restantes 50%).

Pagamentos 
Os pagamentos deverão ser feitos por transferência bancária, com o envio obrigatório do comprovativo. NIB: 0018 0003 1745 1857 02023. 

NOTAS 
Inscrições. A inscrição apenas é validada após o respetivo pagamento, que deverá ser efetuado por transferência bancária. Será a receção do talão ou documento comprovativo da mesma que validará a inscrição. A metodologia de validação será efetuada via e-mail ou contato telefónico. A validação e ordenação das inscrições respeitam a ordem de entrada do comprovativo de pagamento, mediante o número de vagas disponíveis. As inscrições que não forem acompanhadas pelo pagamento ou seu comprovativo não asseguram a participação na ação em que o formando se inscreve.
Cancelamento da inscrição. Caso os inscritos não preencham o número mínimo de vagas (fixado caso a caso pelo IPNP), a formação será cancelada ou a data de realização da mesma será adiada, e os formandos serão devidamente notificados e reembolsados na totalidade do valor pago, no prazo máximo de cinco dias úteis.
Assiduidade. Quando o número de faltas do formando excede em 15% do total do número de horas da formação, o formando será considerado desistente, perde o direito ao certificado e não haverá lugar a repetição da formação e/ou reembolso do pagamento efetuado. 
Certificado. O valor da inscrição inclui a frequência da formação nos parâmetros publicitados, a documentação de apoio e certificado de participação. A emissão do certificado encontra-se dependente da assiduidade anteriormente referida. 
Desistências e devoluções. Nas desistências comunicadas até 15 dias antes do início da formação, haverá direito à devolução de 50% do valor de inscrição já pago. A partir deste prazo não há lugar a qualquer reembolso, não sendo emitido o certificado de participação.

Inscrição Online